Olhos que Ouvem & Mãos que Falam











Segunda-feira, 24 de Janeiro de 2011

A minha apresentação

 

 

 

Aviso: A Língua Gestual tem a sua própria estrutura, ou seja, as frases não são construídas como a Língua Portuguesa.

Por exemplo: Língua Portuguesa -> "O meu nome é..."

Língua Gestual Portuguesa -> "Nome meu..."

 

 

Dicas:

  • Os intérpretes devem utilizar uma camisola com uma cor que contraste com o tom de pele.

Por exemplo, se o nosso tom de pele for claro devemos usar uma camisola de cor escura; no caso de termos um tom de pele escuro devemos de utilizar uma camisola clara. Isto serve para sobressair as mãos, para poder ser melhor observado.

  • As camisolas não devem ter um decote, nem uma gola muito alta. Para além disso, as mangas não devem ser muito compridas para maior liberdade de movimentos e expressão com as mãos.

 

  • Devemos de utilizar o cabelo amarrado, para realçar a face e observarmos melhor a expressão facial.

 

  • Não utilizar acessórios (como por exemplo, relógios, brincos compridos, pulseiras, anéis, etc.).

 

  • A maquilhagem não deve ser muito forte/"pesada", porque esconde a expressão e os traços faciais.

 

  • Fazer os gestos entre os ombros e o umbigo,

 

  • Manter sempre o contacto visual, pois é essencial.

 

 

 

 

Eduarda Paiva

 

 

 

 

P.S--> No próximo post o tema é "Dactilologia" / "Abecedário"

publicado por Eduarda às 00:27
link do post | comentar | favorito


"O meu coração não está surdo a nada neste mundo duplo"

Emmanuelle Laborit

___________________________________
Chamo-me Eduarda Paiva, tenho 18 anos e frequento a Licenciatura em Tradução e Interpretação de Língua Gestual Portuguesa (1º ano). Numa aula de Informática tivemos que criar um Blog sobre Língua Gestual Portuguesa e o "Olhos que Ouvem & Mãos que Falam" é o resultado desta tarefa proposta pelo docente. Espero que este espaço seja útil e que o visitem várias vezes. 【ツ】

___________________________________

“Com os sinais [...] Posso reconhecer a cara de uma palavra! E desenhá-la no espaço! E escrevê-a! E pronunciá-la! E ser bilíngue!”

Emmanuelle Laborit (1994)

___________________________________




Sê o primeiro dos teus amigos a gostar disto


___________________________________

❉posts recentes

Cores Primárias

Números de 0 a 10

Dactilologia/Abecedário

A minha apresentação

Expressões erradas

Bem - Vindo